Orçamento do município de Ipojuca é aprovado na Câmara

O orçamento do município de Ipojuca para o ano de 2024 foi aprovado, em primeira e segunda votação, durante a sessão plenária ocorrida nesta terça-feira, 16 de janeiro, no plenário da Câmara dos Vereadores.

O valor estipulado na Lei Orçamentária Anual (LOA), para execução neste ano, foi de R$ 1,516 bilhões. De acordo com o vereador e presidente da Câmara, Deoclécio Lira, “esse orçamento está subestimado e isso traz prejuízos ao município. Além disso, os auditores do Tribunal de Contas do Estado (TCE) afirmam que a LOA de Ipojuca, do jeito que está, permite a alteração de mais da metade do orçamento e isso é errado”.

O relatório do TCE foi lido pelo presidente durante a sessão plenária. Na ocasião, ele desabafou: “estou colocando para votação essa vergonha de orçamento porque estou sob a obrigatoriedade de uma decisão judicial. Eu jamais colocaria para votação um orçamento cujo valor é mais baixo do que aquilo que já foi arrecadado”.

O vereador e presidente Deoclécio Lira apresentou emenda a fim de corrigir a anomalia. Porém, a emenda foi rejeitada. Deoclécio afirmou que vai recorrer à Justiça para a revisão e correção do orçamento do município do Ipojuca para o ano de 2024.

“Essa LOA diminui a fiscalização do Legislativo e a participação popular em relação ao orçamento. Infelizmente, estamos sob um governo fascista. Prestem atenção, ipojucanos: esse dinheiro é o dinheiro que está faltando para as creches dos seus filhos, para ter o cardiologista no Posto de Saúde”, declarou o vereador Gilmar Costa.

Texto: Patrícia Cunha

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *